quinta-feira, 22 de abril de 2010

Brasília

.
Brasília, minha cidade. Deixo aqui minha homenagem.

A Terra Prometida

Poder dormir
Poder morar
Poder sair
Poder chegar
Poder viver
Bem devagar
E depois de partir poder voltar
E dizer: este aqui é o meu lugar
E poder assistir ao entardecer
E saber que vai ver o sol raiar
E ter amor e dar amor
E receber amor até não poder mais
E sem querer nenhum poder
Poder viver feliz pra se morrer em paz

Vinícius de Moraes

"Quando se vierem a escavar as minas escondidas no meio destas montanhas, aparecerá neste sítio a terra prometida, donde fluirá leite e mel"

São João Bosco


Dom Bosco, um santo italiano canonizado pelo Papa Pio XI na Páscoa de 1934. É considerado o visionário que anteviu Brasília. Está escrito que, na noite de 30 de agosto de 1883, Dom Bosco teve estranho e iluminado sonho místico. Ele o revelou durante reunião do Capítulo da Congregação Salesiana realizada em 4 de setembro daquele ano. O padre Lemoyne anotou tudo.

O santo conta que foi arrebatado pelos anjos e viajou com eles num sonho que não era só sonho. Mas visão, fato maravilhoso, profecia: o advento de grande civilização num lugar incompletamente definido. A latitude é apontada num amplo intervalo, cinco graus. Uma imensidão. Para muitos, a antevisão de uma nova cidade, que crêem tratar-se de Brasília. Está no volume XVI da "Memórias biográficas de São João Bosco".




E não para de vir pessoas de todos os lugares para morar em Brasília. Esta semana três pessoas me procuraram, uma de Porto Alegre, outra de Curitiba e parece que mais uma de São Paulo, vieram morar na nossa capital. Para minha surpresa, entraram em contato comigo pois querem dar inicio a um grupo de estudos budistas e conseqüentemente uma comunidade com práticas regulares.

Eu que tanto já reclamei da falta de grupos assim por aqui, eles começam a se estabelecer no cerrado. Que ótima notícia, não?
.
E sim, temos o céu mais bonito do mundo.
.